sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Apocalipse - Estudo 9


As Quatro Primeiras Trombetas
No estudo anterior, vimos a abertura do 7º Selo e, naquela oportunidade, estudamos de maneira resumida a profecia de Daniel a respeito das 70 Semanas de anos...
Agora, vamos continuar o estudo do cap. 8 do Apocalipse, vendo as quatro primeiras Trombetas do Juízo de Deus.
1ª Trombeta
Ap 8:7 — O primeiro anjo tocou a trombeta, e houve saraiva e fogo de mistura com sangue, e foram atirados à terra. Foi, então, queimada a terça parte da terra, e das árvores, e também toda erva verde.
Os resultados desse 1º juízo das Trombetas serão terríveis. Reparem que, enquanto os 4 anjos do Juízo ainda estavam retidos sob o 6º Selo (7:2-3), por causa da selagem dos 144.000, agora a ordem para esperar foi revogada... Os juízos começam verdadeiramente...
Saraiva (chuva de pedra de gelo), fogo e sangue! Uma terça parte da terra, das árvores e das ervas verdes são queimadas...
Reparem, ainda, que, da mesma forma que os 4 primeiros Selos, os 4 primeiros juízos das Trombetas, também, estão relacionados uns com os outros:
O 1º Juízo das Trombetas atinge a terra (v.7); o 2º atinge o mar (v.8); o 3º atinge as fontes de água (v.10-11); e o 4º atinge o universo (v.12-13)... Tudo é, portanto, julgado pelo Cordeiro...
2ª Trombeta do Juízo
Ap 8:8-9 — O segundo anjo tocou a trombeta, e uma como que grande montanha ardendo em chamas foi atirada ao mar, cuja terça parte se tornou em sangue, 9 e morreu a terça parte da criação que tinha vida, existente no mar, e foi destruída a terça parte das embarcações.
Reparem que muita coisa no Apocalipse, como já falamos aqui, é simbólica... Mas, quando João usa símbolos, ele indica que aquilo se trata de um símbolo...
Neste sentido, vejam que NÃO está dito que uma GRANDE MONTANHA em chamas foi atirada ao mar. NÃO! O que está dito, reparem, é: ... uma como que grande montanha ardendo em chamas foi atirada ao mar...
É claro que podem existir aqui muitas interpretações. Alguns estudiosos acham que se trata de um vulcão... mas, a maioria entende que será um meteoro em chamas que cairá no mar... Há também outros que dizem que serão bombas atômicas...
Entretanto, reparem, como um terço do mar se transforma em sangue, não há como explicar esse juízo de Deus. Agora, vejam, a verdade é que NÃO é muito importante saber COMO acontecerá... mas, SIM, que acontecerá!
Se alguém tiver dúvidas disso, é só ler Êx 7:20-21, onde a 1ª praga sobre o Egito se realizou de maneira semelhante: — Fizeram Moisés e Arão como o SENHOR lhes havia ordenado: Arão, levantando o bordão, feriu as águas que estavam no rio, à vista de Faraó e seus oficiais; e toda a água do rio se tornou em sangue. 21 De sorte que os peixes que estavam no rio morreram, o rio cheirou mal, e os egípcios não podiam beber a água do rio; e houve sangue por toda a terra do Egito.
Reparem que esse acontecimento é indicado em outros pontos da Escritura. Por exemplo, no Sl 105:29 — Transformou-lhes as águas em sangue e assim lhes fez morrer os peixes. Também, no Sl 78:44, lemos — e converteu em sangue os rios deles, para que das suas correntes não bebessem.
Isso demonstra que o Senhor não depende nem de meteoros, nem de bombas atômicas como instrumentos de juízo, embora esteja no seu poder utilizar essas coisas, se for da Sua soberana vontade... Por isso, é importante salientar que não se deve querer sempre explicar tudo em detalhes...
Reparem, também, que uma grande montanha ardendo em chamas foi atirada ao mar. Em qual mar??? Embora não se possa afirmar com certeza, tudo indica que será o Mar Mediterrâneo, em cujas margens já aconteceram tantas coisas em relação ao Plano da Salvação...
Todavia, certamente, todos os mares do mundo serão afetados por esse 1º Juízo das Trombetas. Reparem que, no mundo, existem 7 mares e 3 oceanos... O texto diz que uma terça parte do mar se transforma em sangue. Isso significa mais do que um oceano inteiro. Imaginem, também, a montanha de peixes mortos... um terço dos peixes morrerá...
Mais ou menos recentemente, cientistas da NASA localizaram através de satélite um organismo semelhante a um vegetal que faz a água do mar ficar vermelha e mata os peixes, pois é extremamente venenoso... É a chamada maré vermelha...
O texto diz também que foi destruída a terça parte das embarcações. Isso nos faz imaginar que ondas enormes destroçarão nas costas um terço das embarcações... Será que estamos fantasiando??? As Tsumani!!!
Lembramos mais uma vez que esse terrível período acontecerá durante a Grande Tribulação, pertence ao DIA DO SENHOR e será depois do Arrebatamento.
Não se compreende por que o homem, de maneira geral, dá tão pouca atenção ao DIA DO SENHOR, apesar da Escritura falar tanto dele. Isaías, em Is 2:12-21, diz assim: — Porque o Dia do SENHOR dos Exércitos será contra todo soberbo e altivo e contra todo aquele que se exalta, para que seja abatido; 13 contra todos os cedros do Líbano, altos, mui elevados; e contra todos os carvalhos de Basã; 14 contra todos os montes altos e contra todos os outeiros elevados; 15 contra toda torre alta e contra toda muralha firme; 16 contra todos os navios de Társis e contra tudo o que é belo à vista. 17 A arrogância do homem será abatida, e a sua altivez será humilhada; só o SENHOR será exaltado naquele dia. 18 Os ídolos serão de todo destruídos. 19 Então, os homens se meterão nas cavernas das rochas e nos buracos da terra, ante o terror do SENHOR e a glória da sua majestade, quando ele se levantar para espantar a terra. 20 Naquele dia, os homens lançarão às toupeiras e aos morcegos os seus ídolos de prata e os seus ídolos de ouro, que fizeram para ante eles se prostrarem, 21 e meter-se-ão pelas fendas das rochas e pelas cavernas das penhas, ante o terror do SENHOR e a glória da sua majestade, quando ele se levantar para espantar a terra.
3ª Trombeta do Juízo
Ap 8:10-11 — O terceiro anjo tocou a trombeta, e caiu do céu sobre a terça parte dos rios, e sobre as fontes das águas uma grande estrela, ardendo como tocha. 11 O nome da estrela é Absinto; e a terça parte das águas se tornou em absinto, e muitos dos homens morreram por causa dessas águas, porque se tornaram amargosas.
Vamos analisar os efeitos da 3ª Trombeta. As águas amargas de que nos fala o AT têm um equivalente nos últimos tempos. Reparem que, na época em que o povo de Israel passou pelo deserto, durante os três primeiros dias, não havia água para eles beberem... e quando eles encontraram água, essa água era amargosa.
Êx 15:23 diz assim — Afinal, chegaram a Mara; todavia, não puderam beber as águas de Mara, porque eram amargas;
No fim dos tempos, como lemos, cai do céu sobre as fontes das águas uma grande estrela, ardendo como tocha. O nome da estrela é Absinto.
O que é absinto?? Absinto é um líquido muitíssimo amargo preparado com as folhas de uma erva chamada Artemisia absinthium.... Essa estrela, portanto, cai espalha absinto por um terço dos rios e das frontes de água.
Isso significa que essa estrela não precisa, necessariamente, ser formada de matéria compacta, uma vez que o tal absinto é um líquido... Essa estrela pode, então, por exemplo, ser um cometa... Sabemos que os cometas têm uma parte gasosa na sua constituição...
Seria, assim, talvez, um cometa que traz em si, na sua parte gasosa o absinto, estragando a água potável, a água que se pode beber, de um terço dos rios e de outras fontes...
Ou seja, é retirado dos homens, em grande parte, aquilo de que eles mais necessitam para viver: a ÁGUA. Por quê? Porque eles rejeitaram a ÁGUA DA VIDA, rejeitaram o Senhor Jesus...
4ª Trombeta do Juízo
Ap 8:12 — O quarto anjo tocou a trombeta, e foi ferida a terça parte do sol, da lua e das estrelas, para que a terça parte deles escurecesse e, na sua terça parte, não brilhasse, tanto o dia como também a noite.
Por tudo o que já vimos até aqui, nós constatamos que haverá, no final dos tempos, acontecimentos terríveis, catástrofes que não podemos imaginar.
Atualmente, já estão acontecendo coisas tremendas, jamais vistas em outros tempos... As Tsumanis são um exemplo...
Um outro exemplo, que eu li há pouco tempo e que é significativo, é um fenômeno astronômico. Um astrônomo, chamado Bruce Margon, descobriu um corpo celestial misterioso e incompreensível... As observações desse cientista indicam que esse corpo se movimenta à VELOCIDADE DE ATÉ 184 MILHÔES DE KM por hora... e isso em duas direções ao mesmo tempo...
Parece que esse corpo celestial, uma estrela de características desconhecidas, parece que ela se aproxima e se afasta da terra, ao mesmo tempo, e num ritmo, ou freqüência, de aproximadamente 60 dias.
Os cientistas, liderados por Bruce Margon, descobriram esse corpo estranho quando estavam estudando uma estrela chamada SS433 e que está a 10.000 anos-luz da terra. Eles chegaram à conclusão de que esse corpo deve ter uma energia descomunal e expele os seus gazes somente em duas direções opostas e nessa incrível velocidade de 184 milhões Km/h. É, assim, um corpo celeste absolutamente diferente, porque as estrelas normais emitem gazes em todas as direções ao mesmo tempo...
Mas, voltemos ao nosso estudo do Apocalipse.
É interessante observar que a Sagrada Escritura fala a esse respeito... Em Lc 21:25-27 o próprio Senhor Jesus anunciou — Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas; sobre a terra, angústia entre as nações em perplexidade por causa do bramido do mar e das ondas; 26 haverá homens que desmaiarão de terror e pela expectativa das coisas que sobrevirão ao mundo; pois os poderes dos céus serão abalados. 27 Então, se verá o Filho do Homem vindo numa nuvem, com poder e grande glória.
Igualmente, os profetas fizeram previsões a esse respeito... Por exemplo, Is 13:9-10 diz assim — Eis que vem o Dia do SENHOR, dia cruel, com ira e ardente furor, para converter a terra em assolação e dela destruir os pecadores. 10 Porque as estrelas e constelações dos céus não darão a sua luz; o sol, logo ao nascer, se escurecerá, e a lua não fará resplandecer a sua luz.
É exatamente isso que nos é mostrado no 4º Juízo das Trombetas. O profeta Ezequiel também viu isso e escreveu em EZ 32:7-9 — Quando eu te extinguir, cobrirei os céus e farei enegrecer as suas estrelas; encobrirei o sol com uma nuvem, e a lua não resplandecerá a sua luz. 8 Por tua causa, vestirei de preto todos os brilhantes luminares do céu e trarei trevas sobre o teu país, diz o SENHOR Deus. 9 Afligirei o coração de muitos povos, quando se levar às nações, às terras que não conheceste, a notícia da tua destruição.
Também, em Joel 2:10 e 3:14-15, encontramos referências ao 4º Juízo das Trombetas. Esses versos dizem assim: — Diante deles, treme a terra, e os céus se abalam; o sol e a lua se escurecem, e as estrelas retiram o seu resplendor... Porque o Dia do SENHOR está perto, no vale da Decisão. O sol e a lua se escurecem, e as estrelas retiram o seu resplendor.
Assim, esse 4º Juízo das Trombetas será uma catástrofe cósmica inimaginável. Reparem o que o v.12 diz que — ... foi ferida a terça parte do sol, da lua e das estrelas...
Essa expressão foi ferida significa uma terrível explosão que será capaz de abalar todo o Universo...
O Tríplice Ai
E agora, vem o v.13 e diz — Então, vi e ouvi uma águia que, voando pelo meio do céu, dizia em grande voz: Ai! Ai! Ai dos que moram na terra, por causa das restantes vozes da trombeta dos três anjos que ainda têm de tocar!
Reparem que antes de acontecer os três últimos e mais importantes Juízos das Trombetas, há uma espécie de proclamação no céu que consiste desse tríplice Ai... Ai dos que moram na terra...
Agora, o que significa essa águia voando pelo meio do céu e clamando em alta voz???
Na Bíblia, os filhos de Deus são, muitas vezes, comparados com águias. Por exemplo, em Is 40:31 está escrito – mas os que esperam no SENHOR renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam.
No Salmo 103:5 lemos — quem farta de bens a tua velhice, de sorte que a tua mocidade se renova como a da águia.
Parece, portanto, que essa águia do Apocalipse representa justamente a Igreja do Senhor Arrebatada... A Igreja, da qual fazemos parte, e que está unida ao Cordeiro, da mesma forma que os 24 anciãos também representam a Igreja...
A Bíblia explica a própria Bíblia. Em Lc 17, o Senhor Jesus descreve o arrebatamento, e os v. 34-35 dizem — Digo-vos que, naquela noite, dois estarão numa cama; um será tomado, e deixado o outro; 35 duas mulheres estarão juntas moendo; uma será tomada, e deixada a outra. — e o v. 37 completa assim — Então, lhe perguntaram: Onde será isso, Senhor? Respondeu-lhes: Onde estiver o corpo, aí se ajuntarão também os abutres.
Aetoi é a palavra grega que está no texto. Aetoi pode ser traduzido por abutres ou por águias. A versão corrigida traduz por águias! O fato é que ambas são aves de rapina que se alimentam de carne.
É uma figura, concordo, um tanto macabra... Mas, reparem, é uma figura perfeitamente lógica no contexto desse verso. Os crentes são chamados de abutres, ou de águias e, como o Cordeiro foi morto, ... aí se ajuntarão também os abutres...
Será que esses abutres, ou essas águias, vão comer o cadáver??
Vejamos o que diz Jo 6:53-55 — Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o seu sangue, não tendes vida em vós mesmos. 54 Quem comer a minha carne e beber o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia. 55 Pois a minha carne é verdadeira comida, e o meu sangue é verdadeira bebida.
Além disso, para não compreendermos de maneira errada esse ponto importante do estudo, vamos recordar um trecho do Sermão Profético de Jesus em Mt 24:26-28 — Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto, não saiais; ou: Eis que ele está no interior da casa, não acrediteis. 27 Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do Homem. 28 Pois onde estiver o cadáver, aí se ajuntarão as águias.
Consequentemente, se o próprio Senhor Jesus usa essa figura, nós mesmos temos mais é que nos lembrar sempre que Ele é o Cordeiro de Deus que foi morto desde a eternidade...
Ou seja, quando João teve a visão da águia, ele experimentou aquilo que já havia sido representado no AT. Em Dt 32:11-12, o Senhor diz ao seu próprio respeito — Como a águia desperta a sua ninhada e voeja sobre os seus filhotes, estende as asas e, tomando-os, os leva sobre elas, assim, só o SENHOR o guiou, e não havia com ele deus estranho.
Desta maneira, o tríplice Ai da águia, ou seja, da Igreja, é aquilo a que se referiu o apóstolo Paulo em 1º Co 6:2 — Ou não sabeis que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo deverá ser julgado por vós, sois, acaso, indignos de julgar as coisas mínimas?
Ou seja, como Igreja do Senhor Jesus, nós participamos do juízo sobre o mundo. A águia tem, assim, uma missão a cumprir entre o toque da 4ª e o da 5ª Trombeta. Qual é exatamente essa missão, ainda não sabemos, mas, ISTO SIM, sabemos que, se formos fieis, seremos vencedores e, então, voaremos como águias no meio do céu... Amém

5 comentários:

  1. oque significa o (segundo ai) em apocalipse 11,14

    ResponderExcluir
  2. estou aprendendo muito com esses estudos sobre o livro de apocalipse gostaria de saber se tera a continuação do estudo dos outros capitulos.
    que Deus esteje abençoando muito a sua vida Pastor Pedro.

    ResponderExcluir
  3. Apocalipse é meu livro favorito na bíblia e estou aprendendo muito com este estudo.

    O senhor pretende dar continuidade?

    Deus abençoe a sua vida.

    ResponderExcluir
  4. Alguem tem informaçao sobre o Pastor Pedro???

    ResponderExcluir